Logo-350px

CONVERSAS

19/09 – Sábado- 18h

CORPOGRAFIAS EM DANÇA: Relatos de uma cidade Experimentada – Gilberto de Lima Goulart

 marÉ – Coletivo Provisórias (Aline Vilela, Francine Leite e Isa Mariah) 

Gilberto de Lima Goulart
Fotógrafo, cinegrafista e editor em atuação desde 2012. Se especializou em registro de espetáculos e possui uma trajetória de produções audiovisuais no relacionadas à dança.
Coletivo Provisórias (Aline Vilela, Francine Leite e Isa Mariah)
Aline Vilela – Fotógrafa e gestora cultural independente, estudante de Arquitetura e Urbanismo e graduada em Dança pela UFV
Francine Leite – Graduada em Dança pela Universidade Federal de Viçosa. Integra o Coletivo Provisórias desde seu princípio, tendo atuado na construção e execução de todos os projetos.
Isa Mariah – É costureira e bordadeira, graduanda no bacharelado em Artes Plásticas pela UEMG. Integrante do Coletivo Provisórias desde 2015, atuou como intérprete-criadora no trabalho mais recente em vídeo dança: “marÉ”

Reproduzir vídeo
Reproduzir vídeo

24/09 – Quinta- 18h

Con Tato – Samuel Samways
Passinho no Cabana –  Marcus Vieira   

Samuel Samways
Samuel Samways é artista referência em dança de salão contemporânea: uma ressignificação crítica da dança de salão tradicional, pensada como atividade social, política, educativa e/ou artística. Sua pesquisa tem importância significativa na crítica e desconstrução dos papéis heteronormativos da dança de salão, bem como a fusão da linguagem com danças tradicionais brasileiras e latino-americanas, artes marciais, contato-improviso e dança contemporânea.
Marcus Vieira
Cineasta e bibliotecário, trabalha com a captura da narrativa pessoal através de recursos do áudio-visual. Co-dirigiu o filme documentário “Da lona ao Pai Tomás: a história do Cabana contada por seus primeiros moradores” em 2016 e os curtas documentais “Diversidade Periférica” em 2017, “#nósétudocabana” em 2018 e “Rosa” em 2018.

26/09 – Sábado- 18h

Pai contra mãe: videodança-manifesto – Leandro Belilo
 RAIZ – Wallison (Culu)  

Leandro Belilo
A Cia. Fusion de Danças Urbanas surgiu em 2002, na periferia de BH-MG. A Cia. Fusion organiza o Festival Orbe e tem hoje sede própria: a CAFUÁ – Casa Fusion de Arte. É vencedora do Prêmio Brasil Criativo (2014), duas vezes vencedora do Prêmio Cena Minas (2012 e 2015), vencedora do Prêmio Leda Maria Martins de Artes Cênicas Negras (2017 e 2019) e Rumos Itaú Cultural (2018) entre outros.
Wallison (Culu)
O artista Walisson Culu, nasceu e cresceu no Aglomerado da Serra. É diretor, bailarino, coreógrafo e assistente de direção, nas companhias Cia. dos Anjo e Cia. Fusion Danças Urbanas. Produtor cultural na RDA produções e professor de Danças Urbanas na CAFUÁ – Casa Fusion de Arte. Desenvolve também projetos audiovisuais, nos quais dialoga com a periferia e as Danças Urbanas.

Reproduzir vídeo
Reproduzir vídeo

01/10 – Quinta- 18h

Experimento cidades II – Croma em Roma – Cib Maia
Ópio – Léo Garcia.  

Cib Maia
Arquiteta e Urbanista, realiza trabalhos interdisciplinares, como artista independente, através de parcerias com diversos artistas e grupos. Elaborou projetos diversos, dentre eles Pequenos Atos de Rua do Grupo de Dança 1º Ato; MOV POST – Movasse no FID 15 anos e SE7 ABERTO. Formou-se no Curso de Desenvolvimento e Gestão Cultural através do programa Pensar e Agir com a Cultura na Fundação Clóvis Salgado.

Léo Garcia
Léo Garcia Iniciou sua trajetória com danças urbanas, samba e capoeira. Idealizador do coletivo Ubuntu juntamente com Patrick Villar. Desde setembro de 2014 faz parte do elenco de bailarinos da Cia de Dança Palácio das Artes (BH) , trabalho que possibilitou vivências com importantes diretores, coreógrafos e professores. Léo Garcia atua como diretor artístico do coletivo funkeiro Heavy Baile ( RJ ), desenvolvendo os shows e videoclipes juntamente com o elenco do coletivo.

03/10 – Sábado- 18h

Primavera en Belo – Cris Diniz
Ventana – Luísa Machala

Cris Diniz
Coordenadore Internacional do Corredor Latinoamericano de Teatro. Fez Mestrado em Iluminação Teatral na Pós-Graduação em Artes Cênicas da UFOP, Ouro Preto –MG – Graduação em interpretação Teatral com formação complementar em Artes Visuais, pela UFMG, Belo Horizonte-MG, e Licenciatura em Artes Cênicas da UFMG, Belo Horizonte-MG-2008.

Luísa Machala
Mestre em Artes pela Escola de Belas Artes da UFMG, Luísa Machala é graduada em Licenciatura em Dança pela mesma universidade e em Estudos Gerais: Artes e Culturas comparadas pela Universidade de Lisboa, Portugal. É integrante do grupo Intrínseco Criações e atualmente dedica sua pesquisa artística e acadêmica no campo da dança-tecnologia, pesquisando as relações entre corpo e espaço nas mídias digitais.

Reproduzir vídeo
Reproduzir vídeo

04/10 - Domingo - 18h

Passinho no Cabana – Juninho Backer
Choro – Leonardo Augusto

Juninho Backer – Dançarino na video dança “Passinho no Cabana”.
Leonardo Augusto
Iniciou seu percurso artístico no Teatro e segue interessado em desbravar as fronteiras entre as artes. Graduado em Educação Física, técnico em Teatro e Cinema e profissional de Dança e Teatro pelo Sated MG, Leonardo Augusto é integrante fundador do Grupo Contemporâneo de Dança Livre atuando como artista, pesquisador e assistente de produção. Além disso, colabora com diversas ações artísticas na cidade.

Projeto Move Concreto! Vídeo dança pela cidade, nº 1221/2018, aprovado no Edital 2018 oriundo da Política de Fomento à Cultura Municipal (Lei nº 11.010/2016).